PORTO ALEGRE: A iniciativa 'Respeita as gurias na folia!' já esteve na Descida da Borges e na saída do Bloco da Laje e deve marcar presença nos ensaios das escolas

Sul 21

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 carnaval foto janaina kalsing themis

Foto: Janaína Kalsing/Themis
 

Neste carnaval, a Themis – Gênero, Justiça e Direitos Humanos, ONG formada por advogadas e cientistas sociais feministas, lançou a campanha “Respeita as gurias na folia! – Juntes por um carnaval sem assédio”. A divulgação teve início em janeiro, na Lomba do Pinheiro, e já esteve na tradicional Descida da Borges, na saída do Bloco da Laje e deve agora marcar presença nos próximos ensaios de três escolas de samba do carnaval da Capital:

  • 15/02 – Imperatriz Dona Leopoldina
  • 17/02 – União da Tinga
  • 21/02 – Fidalgos e Aristocratas

Com a leques informativos, a iniciativa aborda o combate ao assédio sexual e a prevenção a infeções sexualmente transmissíveis (IST’s) durante o carnaval. Assim, tem como objetivo conscientizar e sensibilizar os jovens homens para que não comentam assédio, dialogar sobre a importância do uso de preservativo como forma de prevenir ISTs e difundir o contato da rede de atendimento à violência contra a mulher em casos de assédio.

themis respeita guria
No dia 29 de janeiro, as Jovens Multiplicadoras de Cidadania (JMC’s) levaram a campanha “Respeita as gurias na folia!” para a saída do Bloco da Laje. Foto: Janaína Kalsing/Themis

 

A campanha se baseia em pesquisas que mostram que Porto Alegre é uma das capitais brasileiras com maior incidência de HIV/Aids entre jovens. Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) também mostram que adolescentes e jovens adultos são o grupo que mais contribui para aumentar as estatísticas de ISTs, apesar de representarem apenas um quarto da população sexualmente ativa.

“Carnaval é uma festa que faz parte da vida das jovens mulheres. Muitas vezes, porém, elas são desrespeitadas e expostas a situações de violência, especialmente quando os homens tentam beijar à força, encoxar e importunar. Além disso, mesmo quando as relações são consensuadas, muitos jovens ainda não desenvolveram consciência sobre a necessidade de utilizar preservativo para se proteger contra ISTs”, pontua a diretora executiva da Themis, Márcia Soares.

Neste ano, a Themis comemora 30 anos de atuação. Desde 2003, com apoio do Fundo de População das Nações Unidas e do Fundo Canadá, a organização formou seis turmas de Jovens Multiplicadoras de Cidadania em cursos que qualificam mulheres das periferias para exercerem a defesa de seus direitos.

respeita guria insta2023 themis

 

fonte: https://sul21.com.br/noticias/cultura/2023/02/para-o-carnaval-themis-lanca-campanha-contra-assedio-e-sobre-a-prevencao-de-ists/

 

 


Coloque seu email em nossa lista

Cfemea Perfil Parlamentar

Informe sobre o monitoramento do Congresso Nacional maio-junho 2023

Cfemea Perfil Parlamentar

Violência contra as mulheres em dados

Logomarca NPNM

Direitos Sexuais e Reprodutivos

logo ulf4

Estudo: Elas que Lutam

CLIQUE PARA BAIXAR

ELAS QUE LUTAM - As mulheres e a sustentação da vida na pandemia é um estudo inicial
sobre as ações de solidariedade e cuidado lideradas pelas mulheres durante esta longa pandemia.

legalizar aborto

Veja o que foi publicado no Portal do Cfemea por data

nosso voto2

...